2 eventos ao vivo

Brasil chega a 263 milhões de linhas de celulares ativas

22 mar 2013
15h24
atualizado às 15h29
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O setor de telefonia móvel registrou 785,7 mil novas habilitações em fevereiro deste ano, o que representa crescimento de 0,3% na base de assinantes. O Brasil fechou o mês com 263,04 milhões de linhas ativas na telefonia móvel e teledensidade de 133,25 acessos para cada grupo de 100 habitantes.

Mulher equipada com um dispositivo de captura de movimento mostra uma experiência 3D em tempo real criado pela desenvolvedora francesa Uma mulher equipados para uma captura de movimento de corpo inteiro apresenta uma experiência 3D em tempo real criado pela desenvolvedora francesa Dassault Systemes. A Laval Virtual, encontro internacional sobre realidade virtual e tecnologias convergentes acontece até domingo em Laval, na França
Mulher equipada com um dispositivo de captura de movimento mostra uma experiência 3D em tempo real criado pela desenvolvedora francesa Uma mulher equipados para uma captura de movimento de corpo inteiro apresenta uma experiência 3D em tempo real criado pela desenvolvedora francesa Dassault Systemes. A Laval Virtual, encontro internacional sobre realidade virtual e tecnologias convergentes acontece até domingo em Laval, na França
Foto: AFP

De acordo com os números divulgados nesta sexta-feira pela Agência Nacional de Telecomunicações, a maioria das linhas registradas em fevereiro (80,27%) é pré-paga e 19,73% pós-paga. Os terminais banda larga móvel totalizaram 65,68 milhões de acessos.

Em fevereiro, a operadora Vivo liderava o mercado, com 28,83% de participação, seguida pela TIM, com 26,88%, da Claro, com 25,12%, da Oi, com 18,83%, da CTBC, com 0,30% e da Sercomtel, com 0,03%. A Porto Seguro, que opera como autorizada da rede virtual, registrou 0,01% de participação no mercado.

O Distrito Federal é a unidade da federação com o mais celulares em relação ao número de moradores: 218,58 linhas ativas para cada grupo de 100 habitantes. O estado com menor teledensidade é o Maranhão, com 91 linhas móveis para cada 100 habitantes.

Veja também:

Veja como funciona a Bixby, assistente de voz da Samsung
Agência Brasil Agência Brasil
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade