13 eventos ao vivo

Apple desencoraja promoções com iPads e iPhones como prêmio

2 jun 2011
19h53
atualizado às 19h58

A Apple começou a agir e reforçar suas regras para promoções de empresas que dão os produtos da Apple como prêmio. Agora, a empresa de Cupertino está restringindo o uso de dispositivos iOS como prêmio, principalmente se associados à palavra "grátis".

Apple quer evitar associação dos dispositivos com algum tipo de transação
Apple quer evitar associação dos dispositivos com algum tipo de transação
Foto: Fernando Borges / Terra

Segundo a Fortune, as regras têm foco em manter a reputação da Apple como uma marca premium e esclarece a forma como seus produtos devem ser usados em promoções (não exibindo-os junto a uma modelo, por exemplo) ou proibindo as empresas de associarem os dispositivos com algum tipo de transação (como prometer iPads em troca de cadastro em sites). O iPad, iPhone e Gift Cards do iPhone não devem ser usados em promoções. Já o iPod touch pode ser usado em circunstâncias especiais e exige um mínimo de 250 unidades para tal finalidade.

Não é possível usar a fonte Myriad Set nos materiais promocionais, produtos, embalagem e manuais e é proibido o uso da palavra "grátis" se referindo a algum produto da Apple. Todo o material relacionado à promoção precisa ser submetido à revisão da Apple.

A lista completa tem mais de duas páginas e está disponível desde janeiro, mas somente agora a Apple está se esforçando para manter os parceiros dentro das regras. O Cult of Mac tinha contado mais de 36 promoções relacionadas ao iPad desde o começo do ano, mas até agora, ninguém havia sido contatado pela Apple, pedindo para que o concurso não fosse feito.

Segundo o MacNN, a Apple ainda não exerceu o direito dela - garantido por suas regras - de retirar a permissão das empresas de usarem seus os produtos.

A Apple se recusou a comentar o assunto.

Geek
publicidade