vc repórter: cearense transforma 'sucata tecnológica' em arte

  • separator
  •  
  • comentários

Há cerca de três anos, o cearense Armando Oliveira, 50 anos, teve a brilhante ideia de transformar "sucata tecnológica" - peças velhas de computadores e eletroeletrônicos, modelos de câmeras fotográficas antigas, metal e plástico - em arte. Hoje, o artista de Fortaleza cria caranguejos, aranhas, besouros, pássaros, motocicletas e robôs utilizando esse tipo de material inutilizado e muita criatividade.

"Eu trabalho com manutenção de computadores e comecei a juntar muitas peças em casa. Depois de muito tempo vi que elas tinham utilidade e há três anos faço esse tipo de arte", explicou Armando Oliveira.

Ele afirmou ainda que, depois que viu o resultado das peças, começou até a comprar materiais inutilizados de outras empresas que trabalham com computadores, para ampliar a coleção. E o hobby virou negócio: Armando já vende as peças, na praia ou pela internet, o meio 'mais rentável', de acordo com o artista. Ele publica fotos em seu blog pessoal para divulgar as peças exclusivas e as vende em um site de comércio eletrônico. Os preços variam de R$ 50 a R$ 300, dependendo do tamanho da peça.

A obra vem fazendo sucesso e uma primeira exposição já vem sendo organizada. Armando acredita que em cerca de 2 meses será possível montar uma exposição completa com as peças que já criou.

A internauta Maria Elvira Oliveira Bastos, de Fortaleza (CE), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui .

 Foto: Armando Oliveira / vc repórter
Pássaro é um dos preferidos de Armando Oliveira
Foto: Armando Oliveira / vc repórter
vc repórter

compartilhe

publicidade
publicidade