2 eventos ao vivo

Fabricante de PCs reclama de baixa procura por Windows 8

29 dez 2012
18h20
atualizado às 18h20
  • separator
  • comentários

O presidente da fabricante de PCs japonesa Jujitsu, Masami Yamamoto, afirmou que a companhia não alcançará sua meta anual de vendas de computadores pessoais em meio à fraca demanda pelo Windows 8, mais recente versão do sistema operacional da Microsoft. O executivo disse a jornalistas que a estimativa de 7 milhões de unidades não será alcançada, e as vendas até 31 de março devem alcançar 6 milhões. As informações são da Bloomberg.

Presidente da fabricante japonesa disse que a procura pelo novo sistema operacional da Microsoft é baixa
Presidente da fabricante japonesa disse que a procura pelo novo sistema operacional da Microsoft é baixa
Foto: Reuters

Yamamoto disse que o apetite inicial dos consumidores para o software lançado em outubro é "fraco". As vendas de computadores com Windows caíram 21% nas quatro semanas após o lançamento em comparação com o mesmo período do ano anterior, indicou uma pesquisa da consultoria Port Washington.

A Microsoft, no entanto, afirmou em novembro que vendeu 40 milhões de licenças do Windows 8 desde o dia do lançamento. A executiva-chefe financeira e de marketing do negócio Windows, Tami Reller, disse que o novo sistema operacional está superando as vendas do Windows 7 no mesmo período.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade