0

Integração do Windows com Windows Phone ajudaria Microsoft

5 set 2011
18h03

Na comparação com os 70% de mercado que Android e iOS têm, os 6% do Windows Phone não são muito representativos. Embora o sistema operacional para smartphones da Microsoft seja "até promissor", na avaliação do TechCrunch, ele não parece ter atraído consumidores nem desenvolvedores. Mas e se a plataforma mobile passasse a se integrar mais intrinsecamente com a versão para computadores pessoais?

Windows 8, à esquerda, apresenta interface do tipo mosaico, muito semelhante à do Windows Phone 7, à direita
Windows 8, à esquerda, apresenta interface do tipo mosaico, muito semelhante à do Windows Phone 7, à direita
Foto: Divulgação

Pois parece que é isso que está para acontecer, de acordo com o site especializado em tecnologia. Do pouco que foi divulgado do Windows 8, próxima atualização do sistema operacional para desktops, sua interface em formato de mosaico e sua lógica voltada a dispositivos com tela sensível ao toque aproximam as duas plataformas.

Mesmo sendo distintas, é possível que sejam integradas de forma facilitada para o usuário, segundo o TechCrunch, criando um diferencial para o Windows Phone que seus principais concorrentes não têm. Os aplicativos móveis existem como que num "universo paralelo", e a integração de seu conteúdo com o do computador pessoal é majoritariamente realizada pela internet - é até possível sincronizar apps de iOS com o OS X, destaca o site, mas é pouco comum. Se o sistema operacional da Microsoft para smartphones pudesse ser facilmente conectado à versão para desktop, o Phone ganharia uma vantagem sobre seus rivais.

A compatibilidade entre as duas plataformas estaria, ainda, alinhada com a clássica estratégia da gigante de computadores de aproveitar sua larga penetração no campo de PCs para expandir outras áreas e produtos. Embora talvez esta técnica não funcione mais em uma era pós-PC, pondera o site de tecnologia, pode valer a pena tentar.

É possível que essa integração comece a aparecer quando o Windows Phone 8 for lançado, e também quando sair a plataforma para desenvolvedores do Windows 8, a Jupiter. Sobre ela, o TechCrunch levanta a possibilidade de se tornar uma "plataforma única", uma vez que ela possibilitaria que aplicativos para o OS móvel fossem adaptados para o OS desktop com apenas pequenas alterações - ou mesmo nenhuma. Se isso realmente acontecer, os desenvolvedores teriam uma grande vantagem em programar para as plataformas da Microsoft.

Talvez a estratégia de sincronizar os sistemas operacionais não seja bem sucedida, mas indica o caminho que não só o Windows, mas outras plataformas irão seguir, de integrar os conteúdos nos dispositivos móveis com os de equipamentos desktop, "em um futuro não muito distante", na avaliação do site. Os aplicativos não serão iguais, uma vez que nos smartphones eles são gerenciados por telas touchscreen e fazem uso de recursos como câmera e geolocalizador, enquanto nos computadores são desenhados para uso com teclado e mouse. Mas com certeza, para o TechCrunch, os dados poderão ser usados em ambos os dispositivos.

Fonte: Terra
publicidade