inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Robô de resgate imita movimento de ameba

29 de março de 2007 13h23 atualizado às 13h35

Robô se move através da contração de anéis nas extremidades. Foto: Divulgação

Robô se move através da contração de anéis nas extremidades
Foto: Divulgação

Pesquisadores da Universidade Virginia Tech, em Blacksburg, Estado da Virgínia, nos Estados Unidos, desenvolveram um robô baseado nos movimentos de uma ameba unicelular. O robô utiliza sua "pele" como forma de propulsão, facilitando o movimento em locais difíceis e podendo auxiliar em resgates, de acordo com o Technology Review.

» Robô serve chá e lava louça
» Robôs cada vez + humanos
» Empresa contrata robô de US$ 433 mil
» Cientista mostra robô gêmeo
» Robô quebra recorde ao mover boneco de 66 Kg
» Robô em forma de lagarta simula músculos

Com forma anular, o robô utiliza um sistema de locomoção completamente diferente dos com roda, tração ou com pernas, ao se virar do avesso continuamente, disse Dennis Hong, professor da universidade. "Toda a pele se move", disse ao site.

Este tipo novo de locomoção é propício para resates, diz Hong. "Estes aparelhos conseguem se espremer em lugares apertados, como um teto que caiu", declarou. Em função de uma grande superfície de tração, estes robôs conseguem se mover com facilidade através de terrenos irregulares.

O movimento é gerado pela contração e expansão de anéis ao longo do corpo do robô. Ao contrair os anéis da traseira e expandir os da frente, é possível gerar movimento.

Redação Terra