inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Cartão com senha temporária ajuda a evitar fraudes

07 de maio de 2007 16h07

Na tentativa de aumentar a proteção e segurança existente em cartões de crédito, a firma de segurança VeriSign anunciou um acordo com a Innovative Card Technologies para a criação de um cartão com tecnologia capaz de gerar chaves temporárias que exigirão tê-lo a mão na hora de realizar transações online.

De acordo com o site BetaNews, a parceria auxiliará bancos e lojas online interessadas na nova tecnologia para implementação em seus sites, que antes de permitir que qualquer transação seja completada, pedirá que o usuário informe sua chave temporária.

Para Fran Rosch, responsável pelos serviços de autenticação da VeriSign, empresas que querem se posicionar de modo mais eficiente contra fraude online, devem pedir autenticação da identidade de seus consumidores com cada transação.

Com um segundo nível de autenticação nas compras online o risco de roubo de identidade cai, já que mesmo revelada a primeira senha, ainda há um segundo método para reforçá-la.

No entanto, este tipo de autenticação dupla não é uma resposta completa às fraudes online, conforme lembra o site iTWire. Um site falso pode interceptar os dados de autenticação do usuário, inclusive a chave temporária, e usá-los rapidamente em transações fraudulentas.

O primeiro banco a utilizar os novos cartões da VeriSign será anunciado em maio, e os cartões poderão ser usados por lojas que participam de um sistema já disponível e que usam um dispositivo aparte para gerar estas chaves, entre elas os sites eBay, PayPal, Yahoo e Charles Schwab.

Em alguns bancos do Brasil já é comum a exigência de um cartão de segurança, com uma série de combinações numéricas que são requisitadas a cada conexão ao sistema online do banco, mas não há qualquer ligação direta com sites de lojas virtuais.

Magnet
Magnet