inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Virus para computador faz 25 anos

13 de julho de 2007 20h19

O primeiro vírus de computador criado, o Elk Cloner, completa, em julho de 2007, 25 anos de idade. A praga criada pelo adolescente Rich Skrenta em 1982, com 15 anos na época, estudante de uma escola de segundo grau em Pittsburgh, Estados Unidos, mudou o mundo da informática e deu início ao que hoje é uma indústria multibilionária.

» Microsoft corrige 7 falhas críticas
» Spammers encontram jeito de criar email automaticamente

O Elk Cloner foi um vírus criado para o computador Apple II, que contaminava máquinas através da inserção de disquetes infectados e, embora tenha sido o primeiro vírus, além de se replicar não causava qualquer dano à vítima, apenas mostrava um ou dois versos de poesia.

Skrenta ganhou a máquina no Natal de 1981 e começou a se divertir com brincadeiras que eram passadas para amigos. Em uma entrevista a um site de segurança, o programador uma vez comentou que alterava cópias piratas de jogo para que elas se destruíssem depois de algumas vezes que eram jogadas e mostrassem então algum comentário engraçadinho.

Do comentário nas cópias piratas, o estudante foi além e criou versinhos que acompanhavam o vírus auto-intitulado de "programa com personalidade". O Elk Cloner dizia que se copiaria para todos os discos e se infiltraria nos chips, que se grudaria no usuário como cola, e modificaria a memória RAM, lembrou o site Machinist.

O conceito de malware como é visto hoje começou, no entanto, apenas em 1988, com o Morris Worm, que se espalhava pela Internet, embora naquele tempo a rede fosse utilizada apenas em ambientes acadêmicos.

A indústria que procedeu a criação do Elk Cloner e do Morris Worm era inimaginável na época. Hoje, os vírus foram transformados em algo além de estudos de jovens inconseqüentes, e são utilizados por criminosos virtuais que aproveitam de brechas nos sistemas afetados para transmitir mensagens de spam e roubar informações financeiras a serem utilizadas em fraudes, conforme noticiou o site Ars Technica.

Para alguns outros pesquisadores, o vírus mais antigo dos computadores, no entanto, já ultrapassa os 30 anos. É o caso do Creeper, uma praga detectada na ARPANET, a rede militar que se transformaria décadas depois na Internet. Entretanto, a criação de Skrenta para o Apple II foi considerada a primeira ameaça de vírus por ter sido a primeira a afetar computadores pessoais.

Magnet
Magnet