inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Homem é preso ao pedir suporte para impressora roubada

30 de outubro de 2007 08h53 atualizado às 09h29

Com o objetivo de obter dados contidos em um computador que acabara de roubar junto com uma impressora usada para gerar documentos de habilitação, um ladrão ligou para o suporte do fabricante solicitando os drivers da impressora e acabou preso. O caso aconteceu na cidade americana de St. Charles, no Missouri, e foi divulgado pela polícia local na última terça-feira.

» Hacker tenta dar golpe em Ronaldinho
» Chat: tecle sobre a notícia

Na noite de 5 de outubro, Timothy Scott Short, 33 anos, roubou os equipamentos do Departamento de Arrecadação do Missouri, um dos órgãos responsáveis pela impressão de carteiras de motorista nos Estados Unidos. Mas como não conseguia acessar os dados guardados no PC, resolveu ligar - duas vezes - para o suporte da Digimarc, fabricante das impressoras, em busca dos drivers, informou o site Ars Technica.

De acordo com declaração do agente John Bush, do Serviço Secreto dos Estados Unidos, Short ligou dois dias depois para o suporte da Digimarc - identificando-se como Scott -, perguntando se poderia comprar drivers de uma impressora, exatamente o mesmo modelo roubado do escritório de St. Charles.

Ao ouvir a gravação com as ligações, o agente então reconheceu a voz de Short de uma investigação anterior, e teve certeza de que era o mesmo criminoso ao ver que o número de telefone informado pelo bandido ao suporte era o mesmo usado por ele em outro caso de roubo de dados pessoais.

Com isso, Short foi detido, acusado de posse de utensílios de fabricação de documentos com a intenção de fraude, podendo receber pena de até 10 anos de prisão, além de pagar uma multa de US$ 250 mil.

Magnet
Magnet