inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

"Wikipédia é confiável", diz especialista

23 de outubro de 2008 10h22 atualizado às 13h45

Um ensaio sobre o nível de confiabilidade da Wikipédia, a famosa enciclopédia online na qual qualquer um pode modificar ou criar conteúdo, foi publicado no site Technology Review, no início desta semana, pelo colaborador Simon L. Garfinkel.

O texto de Garfinkel, jornalista e professor de ciência da computação na Escola Naval de Pós-graduação, na Califórnia, sugere que, ao contrário do que muitos pensam, a Wikipédia é confiável.

A maior parte dos especialistas acredita que o site não é uma fonte segura por não haver checagem das informações, que podem ser escritas por qualquer pessoa. Conforme publicado no Technology Review, "A enciclopédia não é baseada em princípios como consistência e observação, nem em senso comum ou experiências próprias, mas apresenta, sim, uma exatidão notável". Há, também, uma definição de sua veracidade: "Na Wikipédia, a verdade é a visão consensual de um assunto".

Segundo o autor, a Wikipédia desenvolveu um conjunto de padrões epistemológicos para quem está interessado em noções tradicionais do que é verdadeiro. Existem três novas políticas de publicação de conteúdo que são fundamentais para a organização do site: a primeira é não haver a possibilidade de se publicar nenhum conteúdo de pesquisa realizada pelo usuário, a segunda, é manter um ponto de vista neutro.

O ponto crucial para comprovar a precisão da enciclopédia, entretanto, seria a terceira política de conteúdo, criada em agosto de 2003: a possibilidade de verificação do que está escrito. De acordo com a regra, qualquer texto publicado deve conter referências a fontes mais relevantes, como jornais, revistas etc.

"Informações adicionadas à Wikipédia sem referências apropriadas são golpeadas por um daqueles que se auto-intitulam editores, com um emblema que exige a citação. E se alguém excluir o emblema, logo será recolocado por outro usuário".

Esse conceito é uma herança da Nupedia, enciclopédia livre criada pelos mesmos desenvolvedores da Wikipedia, com o diferencial de aceitar como editores somente profissionais qualificados. A enciclopédia nasceu em março de 2000 e suspendeu suas atividades três anos depois, por escassez de acessos e indisponibilidade de escritores qualificados. "Se os especialistas relevantes não tivessem sido vetados, basicamente, estaríamos colocando a nós mesmos como a linha de frente de pesquisa das informações novas e originais, e não estamos aptos a fazer isso", explica Larry Sanger, que era editor-chefe da Nupedida e, ironicamente, é também instrutor de filosofia que estuda epistemologia.

Para Simon, a Wikipédia tem grande importância porque interfere no cotidiano de todos: seus artigos estão em primeiro ou segundo lugar nos resultados de buscas do Google, o que se reflete na vida de estudantes, que se baseiam na enciclopédia para fazer trabalhos escolares, e até mesmo no trabalho dos jornalistas que, apesar de não citarem a fonte, utilizam-na sempre.

Magnet
Magnet