inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Saiba mais sobre o Twitter

Serviço de microblogs virou febre e conquistou usuários em todo o mundo. Foto: Reprodução

Serviço de microblogs virou febre e conquistou usuários em todo o mundo
Foto: Reprodução

"O que você está fazendo?". Esta é a pergunta-chave por trás do Twitter (o nome vem de "tweet", o pio dos pássaros em inglês). Recompensador para alguns, perda de tempo para outros, o Twitter (www.twitter.com) é uma maneira simples e efetiva de atingir grandes audiências através de mensagens via web ou celular. A principal caraterística do serviço são as mensagens curtas, de no máximo 140 caracteres.

O Twitter se define como uma "comunidade global de amigos e desconhecidos que respondem uma simples pergunta: O que você está fazendo?". As respostas são das mais variadas: "Meu nariz dói", diz a usuária Edubya; "Estou comprando um computador novo", diz Clay Woolam, de San Francisco; "Eu gostaria de estar na rua. Estou certo de que se não estivesse teclando tanto no Twitter, poderia ter saído antes", escreve Pixel, de Louisville, Estado de Kentucky.

O Twitter é obra da Obvious, uma pequena companhia de San Francisco fundada por Evan Williams, 34 anos, que tem em seu histórico a criação do Blogger, software que permite a construção de diários pessoais comprado pelo Google em 2003. Já o nome veio da idéia de Biz Stone, 33 anos, que, segundo o próprio, "evoca pássaros, pequenas explosões de informação, algo trivial". "Todo mundo está piando, e até seus telefones trinam".

O serviço foi lançado no final de 2006, mas só ganhou notoriedade em meados de março do ano seguinte, durante o festival multimídia South by Southwest, no Texas, quando foi eleito a melhor ferramenta blog. Na ocasião, influentes blogueiros que assistiam ao encontro inundaram o serviço para agendarem encontros nas festas e, em uma semana, o Twitter cresceu cerca de 20%.

Dicas e como usar
Para fazer parte da comunidade twiteira, basta criar uma conta, gratuita, em www.twitter.com. Depois de criar sua conta e preencher um perfil, basta sair "microblogando", ou seja, contando às pessoas o que você está fazendo, onde está, o que procura, o que encontrou na web - enfim, qualquer coisa, desde que você o faça em até 140 caracteres.

A probabilidade de que alguém tropece no seu perfil e leia suas mensagens é muito pouca se você não tiver seguidores ("followers"), usuários que optam por receber suas atualizações em sua página inicial do Twitter. Da mesma forma, você escolhe quem quer seguir, seja um amigo, um desconhecido total ou até alguma celebridade (o Twitter está cheio delas) - o importante é que o conteúdo que o usuário posta interesse a você. Você acompanha os "tweets" (as postagens) desses usuários diretamente na sua página inicial, no formato de uma lista.

O mais legal do Twitter é interagir com outros usuários. A forma mais comum de fazer isso é com respostas ao comentários - passando o mouse sobre o tweet, aparece uma seta na qual você deve clicar para responder ("reply"). A mensagem indica a quem você está respondendo com uma arroba seguida do nome do usuário. Por exemplo: "@usuario também estou tendo problemas para entrar neste site".

Quando você quer compartilhar um comentário escrito por outra pessoa com seus seguidores, basta fazer um "retweet", que é mais ou menos como encaminhar a mensagem. Obviamente, você deve indicar que está repassando o que aquela pessoa escreveu, começando a mensagem com "retweet" ou, mais comumente, RT, seguido do nome do usuário. Por exemplo: "RT @usuario Amanhã tem festa lá em casa, não esqueçam!!"

Ao contrário de um blog, o Twitter não tem espaço para longas divagações, não permite mudar a aparência do texto ou inserir fotos, por exemplo. Mas existem serviços como o TwitPic, em que você faz o upload de sua foto e ele automaticamente envia o link para o Twitter, com ou sem mensagem. Para isso, basta fazer o login no site com seu nome de usuário e senha do Twitter.

O serviço de busca do Twitter permite fazer pesquisas nos comentários. Também é possível procurar determinados assuntos que os usuários marcam com o símbolo #. Por exemplo: #oscar, #obama, #carnaval.

O número de seguidores é um sinal de status no Twitter - quanto mais você tem, mais gente está interessada em você, supõe-se. Assim surgiram sites especializados em listar os tweeters mais seguidos. O ranking geral pode ser visto no site http://twitterholic.com, que mostra o presidente americano Barack Obama em primeiro lugar já há algum tempo. O site www.crisdias.com/ranking-twitter-brasil/ traz o ranking específico de usuários que escrevem em português.

Uma das provas da popularidade do Twitter é a presença de várias celebridades no site. Além de Obama, você pode acompanhar a cantora Britney Spears, o comediante John Cleese e o ciclista Lance Armstrong, para citar alguns. Claro, há um número maior ainda de perfis falsos de celebridades, que ainda assim podem ser divertidos de acompanhar, como Chuck Norris. Você pode seguir inclusive aqueles que twitam do além, como Albert Einstein, Charles Darwin e Marx e Engels, além de saber mais sobre o que pensam Papai Noel e Indiana Jones. E, é claro, quem é onipresente não poderia ficar de fora do Twitter. Procure por "God" e você poderá encontrar Deus twitando.

Redação Terra