inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Atriz pornô japonesa leva internautas chineses a burlar censura

16 de abril de 2010 08h05 atualizado às 11h49

Sora Aoi abriu em 30 de março sua conta no Twitter. Foto: Twitter/Reprodução

Sora Aoi abriu em 30 de março sua conta no Twitter
Foto: Twitter/Reprodução

O que a multinacional Google não conseguiu está sendo feito pela pornografia: milhares de internautas da China estão burlando a censura e abrindo contas no Twitter (bloqueado no país) para acompanhar uma célebre atriz pornô japonesa.

» Sucesso no Twitter inspira atriz a criar nova série na web
» Siga o Terra Tecnologia no Twitter

Sora Aoi abriu em 30 de março sua conta no serviço de microblog Twitter, e, para sua surpresa, boa parte dos 30 mil seguidores que conseguiu em apenas duas semanas são da China, país onde em teoria o uso dessa popular ferramenta está proibido, relatam sites informativos como Hsw.cn e o blog em inglês ChinaHush.com.

A maior parte das mensagens que chegaram à atriz é em mandarim, por isso que a atriz se dirigiu a seus novos admiradores: "estou surpresa de receber tantas mensagens e retweets da China. Muito Obrigado!", escreveu em sua conta.

Aparentemente, tudo começou em 11 de abril, quando um usuário do principal portal chinês (sina.com) escreveu em um blog que a bela atriz estava no Twitter. Segundo "Hsw.cn", trata-se da primeira vez que os internautas chineses podem dialogar diretamente com uma celebridade estrangeira, por isso que alguns inclusive classificaram o fato de "histórico".

A notícia também surpreende pelo fato de que na China a pornografia é proibida, o que não impediu, pelo visto, que muitos usuários chineses conheçam a atriz.

EFE
EFE - Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.