inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Políticos querem editar a Wikipedia

01 de fevereiro de 2006 15h05 atualizado às 15h22

A liberdade que existe na edição da Wikipédia tem apresentado mais uma conseqüência desagradável: alguns partidários de políticos norte-americanos estão utilizando o recurso de edição de verbetes para apagar qualquer informação que venha a depor contra eles.

De acordo com o site de notícias News.com, o último caso é de um democrata de Massachusetts, que teve algumas referências negativas a si cortadas do site. Os administradores da maior enciclopédia aberta do mundo, a Wikipedia, compilaram uma lista de mais de mil alterações tendenciosas feitas a partir de computadores do governo norte-americano.

Além de retirar informações, alguns dados foram inseridos para difamar adversários ou justificar atitudes. As edições foram suficientes para que os administradores bloqueassem IPs do senado norte-americano e do congresso, mas tal medida se provará inócua, pois não impede que eles façam seu "trabalho sujo" a partir de outras máquinas ou mesmo utilizando proxys que mascaram o endereço real do computador

Magnet
Magnet