inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Internet vira fábrica de celebridades instantâneas

24 de março de 2006 15h22 atualizado às 15h48

Sucesso na Web, Tila Tequila virou capa de revista. Foto: Divulgação

Sucesso na Web, Tila Tequila virou capa de revista
Foto: Divulgação

A Internet comporta tantos usuários que parece difícil alguém se destacar dentro dela. Mas algumas pessoas, com muito esforço e sorte - ou azar -, conseguem - e deixam o mundo virtual para brilhar no "mundo real".

Nos Estados Unidos, a maior celebridade online do momento é Tila Nguyen, conhecida como "Tila Tequila". Modelo e integrante de uma banda de rock, ela tem o perfil mais acessado do MySpaces, a maior rede de relacionamento social do mundo, com 2,9 milhões de visitas desde setembro de 2003. Este mês, ela foi parar na capa da revista masculina Stuff.

  • Veja capa da revista ampliada

    Nada menos do que 800 mil pessoas declaram-se seus "amigos". De acordo com o site ABC News, Tila Tequila ficou conhecida pelas suas roupas sexy, corpo sensual e atitudes ousadas. "I'm no girl next door, I'm the b... down the street" ("não sou a garota da porta ao lado, sou a p... do fim da rua", em tradução livre).

    Celebridades brasileiras

    Raquel Pacheco também seria desconhecida não fosse pela Internet. Sob o pseudônimo de "Bruna Surfistinha", a prostituta de luxo ganhou fama ao narrar as suas "atividades" em um blog. Depois, foi citada no jornal norte-americano New York Times e lançou o livro O Doce Veneno do Escorpião, que já lidera os rankings dos títulos mais comprados no Brasil.

    Com a carioca Katilce Miranda, ocorreu o inverso: depois de um beijo bastante "real" na boca do vocalista Bono Vox, durante o show da banda U2 em São Paulo, ela virou celebridade virtual. Seu perfil no Orkut chegou a receber mais de 900 scraps por minuto.

    O grupo El Bando teve os seus 15 minutos de fama com a versão em português de uma música sobre um mamute que queria voar. Foi chamado até para entrevistas em programas de televisão. A autoria, no entanto, é de uma banda chilena chamada Unos panas ahí, que soltou a música na Web acompanhada de uma divertida animação em Flash.

    Celebridades negativas

    A facilidade com que se publica fotos e vídeos na Internet também pode causar o constrangimento de pessoas que, certamente, iriam preferir passar despercebidas. Em uma entrevista ao vivo para a Rede Globo, a nutricionista Ruth Lemos atrapalhou-se com o atraso da sua voz em relação ao som do fone e gaguejou do início ao final da entrevista. Alguém capturou a transmissão e largou-a na rede.

    Já o garoto canadense Ghyslian Raza gravou a si próprio simulando uma luta de sabres de luz, a arma dos heróis e vilões de Star Wars, mas com um cabo de vassoura. Seus "amigos" colocaram o vídeo na Web e ele se tornou sensação instantânea.

    O vídeo ganhou centenas de versões alteradas com efeitos especiais e som. Batizado de Star Wars Kid, Ghyslian ficou arrasado com a fama e passou por problemas psicológicos. O menino inclusive teve que sair da escola para tentar superar o trauma.

    Uma mulher, fotografada enquanto seu cachorro fazia cocô dentro de um metrô, tornou-se uma das pessoas mais odiadas na Coréia do Sul. Como ela não limpou a sujeira, alguém levou a sério e fotografou o "incidente" com a câmera do telefone celular. Depois, espalhou as fotos pela Internet. A dona do cachorro ficou conhecida como "dog poop girl" (garota do cocô de cachorro).

  • Redação Terra