2 eventos ao vivo

Britânica anuncia suicídio no Facebook, mas não recebe ajuda

5 jan 2011
18h01
atualizado às 18h52

Uma britânica de 42 anos postou uma mensagem de suicídio no Facebook e se matou no dia de Natal. Nenhum dos seus 1.048 amigos na rede social tentou ajudá-la, e algumas pessoas chegaram a zombar da postagem.

Simone postou mensagem de suicídio no Facebook, mas nenhum dos seus 1.048 contatos a ajudou
Simone postou mensagem de suicídio no Facebook, mas nenhum dos seus 1.048 contatos a ajudou
Foto: Daily Mail / Reprodução

Pouco antes de se matar, Simone Back escreveu: "Peguei todas as minhas pílulas e estarei morta logo. Adeus a todos". Segundo o site do jornal Daily Mail, um contato de Simone a chamou de mentirosa, e outro afirmou que o suicídio era "uma escolha sua".

A polícia da Inglaterra arrombou o apartamento da mulher 17 horas depois da postagem e a encontrou morta. A mãe de Simone, Jennifer Langridge, ficou horrorizada com a situação e ligou para a emergência depois que recebeu a mensagem de suicídio da filha. "Ninguém me disse nada sobre isso até o dia seguinte, quando eu enviei um texto dizendo: 'peça ajuda'. Eu sou deficiente, não consegui subir as escadas para o apartamento de Simone, então eu chamei a polícia imediatamente. É perturbador pensar que ninguém fez nada pela minha filha", disse ao jornal.

Uma amiga de Simone, Samantha Pia Owen, disse ao Daily Mail que as pessoas "continuaram discutindo como se nada estivesse acontecendo". "Algumas dessas pessoas moram a uma pequena distância de Simone. Se uma tivesse deixado o computador e tivesse ido ajudar a vida dela poderia ter sido salva", afirmou.

Fonte: Redação Terra
publicidade