0

Com espada samurai, mulher persegue ladrão e tuíta: "peguei!"

Americana ataca ladrão e narra perseguição no Twitter

30 nov 2012
11h08
atualizado às 11h18

Uma fotógrafa da Califórnia usou o Twitter para informar ao vivo seus seguidores sobre a caçada a um criminoso que agia em sua vizinhança. Ela descreveu, quase em tempo real, como usou spray de pimenta para afugentar o suspeito e depois perseguiu ele com uma espada samurai. O homem acabou preso pela polícia depois de cair no plano arquitetado pela cidadã indignada com os constantes furtos.

Sonya Yu identificou e perseguiu homem que estaria roubando objetos de casas em bairro nos Estados Unidos
Sonya Yu identificou e perseguiu homem que estaria roubando objetos de casas em bairro nos Estados Unidos
Foto: Daily Mail / Reprodução

Sonya Yu mora em São Francisco e tinha percebido as ações do ladrão em seu bairro. Ela descreveu que pacotes entregues nas residências estavam desaparecendo com frequência, e que esse mesmo homem seria o responsável pelos furtos. Ele teria roubado cerca de US$ 1 mil em produtos apenas na porta da casa de Sonya. Na terça-feira, a moradora preparou uma "isca" e esperou em sua varanda para ver se o homem cairia na armadilha.

Em sua timeline, ela mesclava conversas com amigos e até informou que estava escrevendo os votos para seu casamento - e como imaginava que iria chorar ao lê-los quando chegasse o dia. Então, cerca de 30 minutos depois dessa mensagem, a fotógrafa escreveu, em letras maiúsculas: "Peguei ele com o spray de pimenta, mas ele escapou", se referindo ao criminosos que havia descrito aos seguidores horas antes.

O spray deixou o suspeito marcado de laranja e debilitado. Armada com um bokken, espada de madeira japonesa utilizada em treinamentos, ela afirmou que perseguiu o homem depois de ligar para a polícia, informando sobre o caso. Sonya descreveu as características dele e disse para onde ele se dirigia. Seguindo as instruções da fotógrafa, um grupo de oito policiais conseguiu capturá-lo.

"Eu era uma mulher vingativa em uma missão", escreveu Sonya Yu no microblog, respondendo a perguntas de internautas curiosos com sua empreitada. "Imaginar o quanto ele sofreu (considerando que esvaziei metade de uma lata de spray de pimenta nele) faz eu me sentir melhor", afirmou ela.

A ação, no entanto, também gerou repercussão negativa. A polícia de São Francisco recomendou aos habitantes que não procedessem de maneira semelhante, tentando confrontar criminosos por conta própria. Na rede social, um internauta considerou o caso absurdo e comentou: "policiais não podem bater em suspeitos em fuga, e cidadãos não podem atingi-los com spray de pimenta. (...) Sonya não corria risco físico em sua varanda... nada justifica essa violência". O suspeito foi detido e pode pegar até seis anos de prisão.

Fonte: Terra

compartilhe

publicidade