0

Facebook quer conectar doadores de órgãos com receptores

1 mai 2012
13h59
atualizado às 18h15

O Facebook apresentou nesta terça-feira uma iniciativa para utilizar sua vasta rede social para ajudar a conectar os doadores de órgãos com pessoas que precisam de transplante. O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou a iniciativa e se converteu num dos primeiros usuários do Facebook a se inscrever como doador.

Ideia foi de Mark Zuckerberg, que já se tornou doador
Ideia foi de Mark Zuckerberg, que já se tornou doador
Foto: AP

Zuckerberg disse que teve a ideia do programa depois de conversar sobre o tema com a namorada, que é estudante de medicina, e em função de sua amizade com o falecido cofundador da Apple, Steve Jobs, cuja vida se estendeu por um trasplante de fígado.

Na seção "saúde e bem estar" de sua linha do tempo, os usuários podem marcar sua condição de doadores de órgãos e explicar a decisão a seus amigos, num esforço para aumentar a consciência sobr a necessidade de doações.

Calcula-se que 18 pessoas morrem todos os dias por falta de órgãos disponíveis, segundo a Donate Life America, uma aliança sem fins lucrativos associada ao Facebook.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade