0

GoDaddy perde quase 40 mil domínios e retira apoio ao Sopa

30 dez 2011
15h07

O site GoDaddy, um dos provedores de domínio norte-americanos, foi alvo de um boicote virtual após anunciar apoio ao Sopa (Stop Online Piracy Act, ou algo como "ato de impedimento da pirataria online"). Indignado com a posição do servidor, o usuário selfprodigy, do Reddit, anunciou que retiraria seus 51 domínios no dia 29 de dezembro, e convidou demais clientes do host a fazerem o mesmo, segundo o Huffington Post.

O Sopa pretende "censurar" e punir sites que reproduzam conteúdo sem autorização
O Sopa pretende "censurar" e punir sites que reproduzam conteúdo sem autorização
Foto: AFP

Até esta sexta-feira, 37 mil contas haviam sido removidas do servidor, segundo uma contagem de mudança de DNS publicada pelo The Domains. E muitos clientes ainda pretendem boicotar o GoDaddy, embora a empresa tenha retirado o apoio ao Sopa no dia 23.

O projeto de lei contra pirataria, que está em discussão no Congresso dos Estados Unidos, prevê mais poder ao governo na retirada do ar de sites que reproduzam conteúdo não autorizado pelos autores. O senado norte-americano também criou uma versão da normatização, conhecida como Pipa (Protect IP Act, ou "ato de proteção de IP"), sobre a qual o GoDaddy também se manifestou na semana passada, afirmando que também não apoia o documento.

> Veja em infográfico especial como funciona o Sopa, como poderia ser o bloqueio dos sites e o que poderia acontecer com eles, e saiba quem está contra e a favor nesta briga.

Na quinta-feira, dia marcado para o início do boicote, a BuzzFeed anunciou no Twitter que deixava o host. "Em resposta ao apoio deles ao #Sopa, o BuzzFeed está largando o @GoDaddy. Eles não vão mais receber o nosso dinheiro. #ByeDaddy", publicou a conta oficial. O fundador da Wikipedia, Jimmy Wales, também afirmou que retiraria todos os domínios da enciclopédia colaborativa, e o mesmo fez a rede de lanchonetes Beh Huh, que tem mais de mil contas.

O total do boicote não chega a 1% dos 50 milhões de domínios que o GoDaddy hospeda no mundo. Ainda assim, o CEO Warren Adelman publicou uma segunda declaração oficial da empresa, complementar à do dia 23, reiterando a retirada de apoio ao Sopa. "Percebemos um pico na transferência de domínios, que está acima da taxa normal e que atribuímos ao apoio que o GoDaddy anteriormente deu ao Sopa, e que foi revertido", escreveu o executivo, segundo o TechCrunch.

"O GoDaddy se opõe ao Sopa porque a legislação não preenche o requisito básico de criar um consenso entre os 'pesos pesados' do setor de tecnologia e as comunidades da internet", continua a nota. "Nossa companhia lamenta a perda de qualquer de nossos clientes, que continuam sendo a prioridade mais alta, e espera reconstruir essas relações e trazer de volta seus negócios, com o tempo", conclui.

Antes da segunda declaração oficial do CEO, no entanto, o GoDaddy publicou na quarta-feira um anúncio de página inteira no The New York Times oferecendo descontos em registros de domínios com a empresa, notou o AllThingsD. A publicidade trazia a piloto de automobilismo Danica Patrick aparentemente nua, carregando uma placa estrategicamente posicionada com a oferta da promoção.

Fonte: Terra

compartilhe

publicidade