PUBLICIDADE

Google anuncia compra do app de geolocalização Waze

Segundo especulações, valor da negociação supera US$ 1 bilhão. Waze tem 28 milhões de usuários, que abastecem o app com informações do tráfego

11 jun 2013 - 12h39
(atualizado em 4/12/2013 às 16h30)
Compartilhar
Exibir comentários
Aplicativo é abastecido com informações de tráfego pelos próprios usuários
Aplicativo é abastecido com informações de tráfego pelos próprios usuários
Foto: Reuters

O Google anunciou nesta terça-feira a compra do aplicativo de geolocalização Waze. Desenvolvido por uma start-up israelente, o aplicativo é alimentado com informações de tráfego passadas pelos próprios usuários. Segundo a companhia, os funcionários do Waze continuarão trabalhando em Israel, e os recursos do aplicativo e do Google Maps serão integrados.

"A equipe de desenvolvimento do Waze permanecerá em Israel e operará separadamente por enquanto. Estamos entusiasmados com a perspectiva de melhorar o Google Maps com alguns dos recursos de atualização de tráfego previstos por Waze e atualizando Waze com recursos de pesquisa do Google", afirmou o vice-presidente de geolocalização do Google, Brian McClendon.

"Estamos entusiasmados com a perspectiva de trabalhar com a equipe do Google Maps para melhorar as nossas capacidades de pesquisa e nos juntar a eles em seus esforços para construir o melhor mapa do mundo", afirmou em um comunicado o CEO do Waze, Noam Bardin, que garantiu que "nada prático" vai mudar na comunidade do aplicativo.

Nas últimas semanas, rumores indicavam que Google e Facebook batalhavam pela compra da empresa. O valor do negócio não foi informado, mas o jornal israelense Globes especulava que o negócio poderia ser fechado em US$ 1,3 bilhão. Segundo informações da Bloomberg, a compra seria fechada em torno de US$ 1,1 bilhão.

O Waze tem 28 milhões de usuários.

Fonte: Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade