publicidade
05 de março de 2012 • 08h59

Google homenageia Heitor Villa-Lobos em doodle nacionalista

Compositor brasileiro completaria 125 anos nesta segunda-feira
Foto: Reprodução
 

O compositor Heitor Villa-Lobos, tido como um dos mais importantes do modernismo brasileiro, é o homenageado do Google nesta segunda-feira. No dia em que completaria 125 anos de vida, o violonista e violoncelista carioca ganhou um doodle colorido e com itens que aludem aos temas nacionalistas das canções do homenageado.

Villa-Lobos exaltava as riquezas naturais do Brasil e misturava em suas composições elementos folclóricos e da cultura indígena. A influência do choro carioca e dos ritmos e temáticas que conheceu em viagens ao interior do País são destaques em sua obra. A imitação do canto de pássaros também aparece como característica recorrente de suas composições orquestrais e de música de câmara.

O brasileiro faleceu em 17 de novembro de 1959, aos 72 anos. No ano seguinte o governo federal inaugurou, no Rio de Janeiro, um museu em homenagem a Villa-Lobos.

Os doodles do Google
O Google costuma comemorar datas importantes para a humanidade, como aniversários de invenções e personalidades ligadas à cultura e à política, por exemplo, com customizações do logo na página inicial do site de buscas. O primeiro doodle surgiu em 1998, quando os fundadores do Google criaram um logotipo especial para informar aos usuários do site que eles estavam participando do Burning Man, um festival de contracultura realizado anualmente nos Estados Unidos. O sucesso foi tão grande que hoje a companhia tem uma equipe de designers voltada especialmente para a criação dos logotipos especiais. Já foram criados mais de 300 doodles nos Estados Unidos e mais de 700 para o resto do mundo.

Para ver alguns dos doodles do quarto trimestre de 2011, clique aqui.

Terra