0

Site contra pedofilia é bloqueado na Bélgica

22 abr 2009
05h36
atualizado às 08h59

As autoridades belgas bloquearam pela primeira vez um site na internet, criado recentemente para indicar os pedófilos que vivem em pontos específicos do país, informou nesta quarta-feira a imprensa local.

Quatro domínios diferentes do site "stopkinderporno" foram bloqueados por 17 provedores de internet a pedido da Unidade Federal de Crimes de Informática, segundo as informações.

A decisão foi adotada depois de o Ministério da Justiça abrir em março uma investigação sobre o possível atentado à vida particular, quando o site informou que um condenado por pedofilia vivia em uma área concreta da pequena cidade de Elezelles, no sul do país.

O site foi criado recentemente na Bélgica pelo holandês Chris Hölsken, seguindo o modelo que já usou em seu país, onde também recebeu críticas.

A organização belga de defesa da infância Child Focus também criticou o site, que classificou como "antidemocrático e contraproducente".

EFE   

compartilhe

publicidade