Internet

publicidade
08 de agosto de 2012 • 12h11

Windows 8 terá recurso padrão de proteção à privacidade online

Recurso chamado Do Not Track, que impede que sites da web façam rastreamento das atividades de navegação do usuário, será padrão automático do IE 10 no Windows 8
Foto: Getty Images
 

A versão do sistema operacional Windows 8 liberada pela Microsoft aos fabricantes de computadores traz uma nova funcionalidade ao navegador Internet Explorer 10, chamada Do Not Track. De acordo com o CNET, o recurso foi projetado para impedir que sites da web façam rastreamento das atividades de navegação do usuário.

Outros navegadores possuem funcionalidade semelhante, mas a deixam desabilitada para que o usuário decida se quer usá-la ou não. Entretanto, o chefe de Privacidade da Microsoft, Brendon Lynch, disse que no IE 10 para Windows 8, o recurso ficará ativo como padrão. Segundo ele, uma pesquisa de consumo confirmou o apoio para esta abordagem focada na "privacidade do consumidor em primeiro lugar".

A Digital Advertising Alliance (DAA), organização que representa anunciantes nos Estados Unidos, concordou recentemente em honrar o recurso Do Not Track, desde que esse não venham habilitado como padrão no navegador da Microsoft. Para a DAA, a habilitação automática da funcionalidade seria contrária a um acordo estabelecido no início deste ano com a Casa Branca.

Entretanto, o usuário do Windows 8 terá poderá decidir se deseja ou não usar o Do Not Track. Quem fizer a configuração automática do sistema operacional terá o recurso automaticamente habilitado, já no caso de instalação personalizada, será possível optar por ligá-lo ou não. De qualquer forma, a qualquer momento o usuário poderá habilitar ou desabilitar a funcionalidade no IE 10.

Terra