Rumores apontam para saída de Zuckerberg do Facebook

atualizado às 12h52
  • separator
  •  
  • comentários

O mau desemepenho do Facebook na bolsa de valores pode custar a Mark Zuckerberg, cofundador e principal executivo do site de relacionamentos mais acessado do mundo, a cadeira de CEO.

Cabeça de Zuckerberg entra na mira de investidores insatisfeitos com desempenho do Facebook na bolsa
Cabeça de Zuckerberg entra na mira de investidores insatisfeitos com desempenho do Facebook na bolsa
Foto: AP

A queda do executivo é motivo de especulação na imprensa internacional.

Segundo matéria do Los Angeles Times , investidores estão apreensivos com a condução dos negócios por Zuckerberg, que tem 20,7% das ações do site de relacionamentos cuja abertura de capital se deu nesse ano em Wall Street.

De acordo com o jornal, alguns analistas atribuem os problemas do site na bolsa exclusivamente a Zuckerberg.

Nessa segunda-feira, as ações do Facebook caíram para menos da metade do preço de estreia na bolsa, três meses após a oferta pública inicial da rede social.

No começo do pregão em Nova York, os papéis do site de relacionamentos chegaram a ser negociados a US$ 18,75, em baixa de 1,6%. A ação da empresa começou a ser negociada em 18 de maio ao preço de US$ 38 dólares.

Às 11h14 (horário de Brasília), os papéis do Facebook reduziam a perda e cediam 0,3%, para US$ 18,99.

Terra

compartilhe

publicidade
publicidade