inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Localização por GPS desperta interesse dos brasileiros

30 de agosto de 2006 11h55

Saber onde está o seu filho ou o seu carro (ou os dois juntos) ou ainda descobrir como chegar a determinado local pegando o melhor caminho ¿ e sem surpresas desagradáveis - já é possível no Brasil graças ao aumento da oferta de serviços de localização pelo celular. Seja por GPS (Global Positioning System) ou por LBS (Location Based Service), operadoras e empresas lançam produtos de olho nas necessidades não só dos clientes corporativos, como também do público em geral. Pena os preços serem pouco atraentes.

  • Jogos para celular oferecem recursos de localização
  • Leia mais notícias em O Dia

    "Os serviços de localização estão explodindo no mundo inteiro, por diferentes razões. Enquanto na Holanda é logística, no Brasil o grande mercado dos serviços de localização é a segurança", aponta o professor Marco Antônio Grivet, da PUC-Rio, que desenvolve com seus alunos projetos nesta área, em parceria com a empresa Global Trac.

    Como a (falta de) segurança é algo que realmente aflige os brasileiros, alguns produtos de monitoramento pelo celular começam a ganhar adeptos. O Vivo Localiza, por exemplo, permite que o usuário saiba a localização aproximada de amigos, familiares ou quem quer que seja, desde que a pessoa procurada tenha um aparelho Vivo com o serviço disponível.

    Ao pedir a localização de determinado usuário, um mapa do local onde a pessoa está surge na tela, com margem de erro, segundo a operadora, de 30 a 50 metros, desde que a pessoa autorize ser localizada e o aparelho dela também esteja ligado. Custa R$ 5,99, R$ 7,99 ou R$ 9,99 por 1, 3 ou 5 localizações, respectivamente.

    O Vivo Co-piloto traça uma rota para levar o usuário ao endereço desejado, como um GPS veicular. Até 30 de outubro, os clientes têm um dia de demonstração gratuita. Custa R$ 4,99 (3 dias) ou R$9,99 (30 dias). Vale lembrar que os valores não consideram o gasto com o tráfego de dados.

    Já a Nextel oferece serviços de localização por GPS como o Mapas & Rotas (R$ 9,90/mês) - com mapas digitais e comandos de texto e voz, com informações de um GPS integrado - e o Localizador (R$ 25/mês). Para saber mais, o livro-guia Meu Primeiro GPS (www.meuprimeirogps.com.br), de André Gurgel, aborda o assunto com linguagem simples e objetiva.

    Rastreamento de veículos pela telinha

    Já é possível até monitorar o seu carro pela tela de um celular GSM. A empresa SIM (Sistema Integrado de Monitoramento Automotivo) oferece o serviço, baseado em Java. "Nós desenvolvemos o software e somos os únicos do mercado brasileiro a oferecer esse rastreamento pelo celular", afirma o gerente comercial da empresa, Galahad Rebouças.

    Através do serviço, chamado SIM GPS GSM, o usuário ainda pode visualizar a posição do seu carro pela Web. "O acesso é via GPRS e a posição do veículo é atualizada a cada dois minutos. De domingo para cá, recuperamos dois veículos no Rio".

    A habilitação sai por R$ 580, mais taxa de instalação de R$ 45 e mensalidades de R$ 99 pelo monitoramento. Fora a cobrança do tráfego de dados, feito pela operadora escolhida (Claro, Oi ou Tim). "Cada megabyte custa cerca de R$ 7, o que permite fazer entre 150 e 200 consultas", compara. O contrato é de no mínimo 24 meses. Informações pelos telefones (21) 2278-9091 e 3970-5518.

  • O Dia
    O Dia - © Copyright Editora O Dia S.A. - Para reprodução deste conteúdo, contate a Agência O Dia.