inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Jovem se mata após ter fotos divulgadas na web

14 de agosto de 2008 09h38

Mais de duas mil pessoas participaram, na Itália, do funeral de uma jovem de 16 anos que se matou com o revólver do pai após ter fotos íntimas divulgadas na Internet.

» Menina de 13 anos se mata após boato online
» Agressão virtual leva aluno a tentar suicídio no Japão
» Após suicídio, insultos em blogs viram tema de debate
» Fórum: opine sobre o caso

No dia 9 de agosto, a jovem natural de Adria desejou boa-noite para sua mãe, mas em vez de ir para a cama, pegou o revólver do pai em um armário e deu um tiro no peito, morrendo na hora.

De acordo com a família, o suicídio estaria relacionado com a divulgação na Internet, há dois anos, de fotos da menina em situações íntimas. Naquela ocasião, ela tentou cortar os pulsos, mas foi socorrida a tempo pela mãe. Desde então ela fazia tratamento psicológico.

Na época, sete pessoas foram investigadas pela Justiça na busca de um responsável pelas publicações, mas ninguém foi incriminado.

Um ex-namorado, suspeito de ter publicado as imagens depois que o casal se separou, mudou de cidade para fugir dos boatos.

A polícia confiscou o diário, o celular e o computador da jovem para investigar o caso.

Com informações da ANSA

Redação Terra