inclusão de arquivo javascript

Tecnologia

 
 

Como enviar arquivos gigantes pela Internet

Os equipamentos estão cada vez menores, mas os programas e arquivos parecem ser cada vez maiores e complexos. Além disso, também é cada vez maior o número de arquivos e documentos manejados cotidianamente pelos usuários. E então, na hora de enviá-los por e-mail... bem, a coisa se complica.

A capacidade de armazenamento das contas de webmail e o tamanho máximo dos anexos eram tema quente de debate (cobrar pela ampliação ou não, etc.) até que o Google, com seu Gmail, acabou com as especulações oferecendo, gratuitamente, 1 Gb de espaço, no início e agora, 2 Gb.

Ainda assim, nem todos os usuários têm contas de Gmail, ou porque não têm motivo para ter, ou porque não querem mudar seu endereço eletrônico, ou por qualquer outro motivo. E eles também precisam de uma solução. Elas existem. Compartilhar apresentações multimídia, músicas ou fotos de alta definição é posível, sim, e sem necessidade de usar o e-mail. Por exemplo:

  • As já mencionada contas de webmail de alta capacidade
  • Os sistemas online que permiten enviar e receber arquivos maiores
  • Os programas que associados às contas de correio comuns permitem fazer o mesmo
  • Truques para "enganar" os programas de correio
Agora, vamos descrever e explicar os serviços online que permitem a troca de arquivos maiores. Eles têm, em geral, o mesmo princípio de funcionamento:
  • Entrar na página
  • Indicar o endereço do destinatário
  • Buscar o arquivo a ser enviado no PC
  • Como opção, é possível indicar o endereço de quem envia e alguma mensagem para quem vai receber o arquivo
  • O arquivo sobe para o servidor do sistema, que gera um link para o download
  • Esse link é enviado ao destinatário por e-mail
  • O destinatário recebe o e-mail com o link que indica onde está o arquivo a ser baixado
  • Ele clica no link informado para baixar o arquivo e escolhe onde ele vai ser descarregado (como se faz quando se baixa um programa ou música, por exemplo)
  • Eventualmente se pode apagar o arquivo do servidor
Pontos negativos
  • Não permitem múltiplos destinatários
  • Há um limite no número de vezes que se pode enviar o mesmo arquivo
  • Depois de determinado período os arquivos são apagados do servidor
  • Velocidades baixas de upload e download. Os sistemas são mais lentos que outros métodos para subir/baixar arquivos, além de dependerem também da velocidade da conexão
Considerando esses princípios gerais, cada um dos sistemas citados abaixo tem suas particularidades:

YouSendIt (www.yousendit.com)
Tem uma capacidade de armazenamento de arquivos até 1 Gb e não indica limites quanto ao tamanho de cada arquivo a subir. É muito simples de usar, como explicado anteriormente. O YouSendIt garante assegurar a privacidade dos dados usando codificação e outras medidas de segurança. Não interfere com o uso de firewall. Os arquivos são apagados do servidor em uma semana.

SendThisFile (www.sendthisfile.com)
É a versão gratuita de um serviço criado para profissionais e empresas (pagos, mas com muito mais funções). É preciso primeiro registrar-se como usuário. O arquivo subido é apagado em três dias. Por outro lado, não limita a quantidade nem o tamanho dos arquivos e permite atá três descargas por arquivo. Como os outros, não permite enviar um arquivo a múltiplos destinatários - mas as versões pagas o permitem, a partir de US$ 2,50, e também protegem o material com encriptação de 128 bits SSL, entre outras possibilidades.

Dropload (www.dropload.com)
Permite subir arquivos de até 100 Mb cada, mas não indica se há limite para a quantidade de arquivos que se queira subir. O arquivo some do sistema quando o destinatário o baixa, ou depois de passada uma semana (tenha o arquivo sido baixado ou não). Para usar, você deve se cadastrar como usuário, primeiro. O destinatário vai receber um e-mail com as instruções para baixar o arquivo e, como os outros, ele permite enviar um arquivo a um destinatário. Para enviar o mesmo arquivo a várias pessoas, deve-se pagar o serviço.

RapidShare (http://rapidshare.de/)
Tem um logo muuuito parecido ao do YouShareIt, mas uma interface ainda mais espartana. Aqui não se tem que completar nenhum dado, só se busca o arquivo no PC, sobe-se e pronto. E aí? É gerado um link para baixar o arquivo (deve-se procurar o link na página, o desenho é péssimo) e é você mesmo quem tem que enviar um e-mail para o destinatário com o link para que ele baixe o arquivo. O bom deste é que se pode mandar o mesmo arquivo para muitas pessoas. Ao baixaro arquivo, somos informados de que há um serviço pago que suporta aceleradores de download. Apresenta um limite máximo de arquivos de até 30 Mb, mas mantém o material no servidor por 30 dias.

YouShareIt (www.youshareit.com)
Um mistério. O serviço apresenta uma forma de uso e tela com as mesmas características do YouSendIt, mas com um desenho mais rudimentar, e não esclarece mais do que o teto dos arquivos a serem subidos: 50 Mb cada um. Terra Argentina

Terra Argentina