0

Robô aprende de acordo com expressão facial do controlador

16 nov 2011
14h37
atualizado às 14h41

Um grupo de pesquisadores do AI Lab da Universidade de Tsukuba, no Japão, desenvolveu um sistema capaz de comandar um robô com simples expressões faciais como sorrir ou franzir a testa. Para se comunicar com o autômato, a chefe Anna Gruebler e sua equipe criaram uma headband sem fio, que quando colocada ao redor da cabeça do usuário capta sinais eletromiográficos da parte lateral do rosto, detectando qual a expressão facial do usuário.

Headband sem fio capta expressão facial do controlador, como sorrir ou franzir a testa
Headband sem fio capta expressão facial do controlador, como sorrir ou franzir a testa
Foto: YouTube / Reprodução

Headbands são aquelas fitas que as moças colocam no cabelo, no maior estilo hippie. Mas o acessório do estudo de Gruebler não é só para bonito: está programado para transmitir ao robô sinais positivos ou negativos de acordo com a reação do controlador.

A tecnologia torna intuitivo para os humanos o treinamento de robôs (e mesmo de softwares) dotados de inteligência artificial. Afinal, nenhuma ação especial deve ser aprendida pelo treinador para "ensinar" o autômato: basta tratar o robô como tratamos animais de estimação em adestramento, ou como ensinamos coisas às crianças. Além disso, o aparelho pode trabalhar também em ambientes com pouca iluminação ou enquanto o usuário estiver caminhando, sem precisar estar próximo a um computador ou ao robô em treinamento.

Utilizando o mecanismo, os pesquisadores estão ensinando "o certo e o errado" a um robô humanoide modelo NAO (fabricado pela francesa Aldebaran Robotics). Vejam que trata-se de um modelo "de prateleira", fabricado em massa, e não um modelo especial feito com exclusividade para o experimento. Com isso, Gruebler e equipe pretendem demonstrar que o sistema pode ser usado para qualquer aplicação comercial existente.

De acordo com o IEE Spectrum, o mecanismo de detecção de reações foi testado diversas vezes e os pesquisadores obtiveram muito sucesso com o pequeno robô. A equipe apresentou o projeto na Conferência Internacional de Robôs Humanoides em Bled, na Eslovênia, e pretende aprimorar o mecanismo para outras funções e atividades do cotidiano. Um vídeo produzido durante o evento mostra a headband em ação - disponível no atalho http://bit.ly/sMnLq6 .

Geek

compartilhe

publicidade