PUBLICIDADE

Veja a evolução do Kindle, o e-reader da Amazon

29 ago 2010 14h06
| atualizado às 14h26
Publicidade

O Kindle foi lançado pela livraria on-line Amazon em novembro de 2007. A empresa é conhecida como uma das maiores lojas de livros online do mundo.

O Kindle lidera o mercado dos e-readers graças à melhorias no desenho e desempenho
O Kindle lidera o mercado dos e-readers graças à melhorias no desenho e desempenho
Foto: Divulgação

O leitor eletrônico sofreu mudanças desde sua criação até o lançamento de sua última versão, em agosto de 2010. Melhorias em alguns recursos e design mais compacto ajudam a manter o Kindle como um dos campeões de venda da categoria.

No final de 2007, a primeira geração do Kindle foi lançada com preço inicial de US$ 399 (cerca de R$ 700). O aparelho era mais quadrado e mais grosso do que os modelos a seguir.

Dois anos depois, no início de 2009, o Kindle 2 ganhou design mais arredondado e compacto, assim como algumas melhorias no desempenho e capacidade. Ele começou ser vendido por US$ 359 (cerca de R$ 629). Esta geração também trouxe uma versão internacional.

Em maio de 2009, a Amazon lançou o Kindle DX. Esta versão possui uma tela maior (quase 10 polegadas) e o preço inicial foi de US$ 489 (R$ 856). Um ano depois, o Kindle DX foi renovado com um acabamento de grafite e um novo preço US$ 379 (cerca de R$ 666).

Em agosto deste ano foi lançado o Kindle 3. Uma versão mais compacta e estilizada do Kindle original, disponível em duas cores: branco e grafite. Sua principal atração é o preço de US $ 139 (cerca de R$ 244).

Atualmente, existem diversos leitores eletrônicos no mercado acirrando a concorrência com o produto da Amazon. Cada aparelho oferece diferentes características e atrativos para o público, fazendo com que o consumidor possa escolher o que mais lhe agrada.

Entre e-books disponíveis estão o famoso iPad; o leitor digital Positivo Alfa; o e-book Novel eReader; o PocketBook e o Kobo, da Borders.

Fonte: Redação Terra
Publicidade