PUBLICIDADE

Fabricação do iPad no País começa neste ano, dizem ministérios

30 set 2011 15h07
| atualizado às 20h45
Publicidade
Ismael Cardoso

O Ministério da Ciência e Tecnologia reafirmou nesta sexta-feira que a taiwanesa Foxconn vai começar a fabricar o iPad no País ainda este ano. O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, disse na manhã de hoje em evento na Fecomércio, em São Paulo, que a fabricação só deveria começar dentro de um ano.

Ministério da Ciência e Tecnologia diz que fabricação do iPad em Jundiaí começa até o fim do ano
Ministério da Ciência e Tecnologia diz que fabricação do iPad em Jundiaí começa até o fim do ano
Foto: AFP

A assessoria do Ministério da Ciência e Tecnologia afirmou que a fábrica de telas de LCD, que prevê um investimento de US$ 12 bilhões e está em negociação, é que deve demorar um ano para iniciar as operações. A assessoria do ministro Fernando Pimentel também informou durante a tarde que a fábrica a que ele se referia era a de telas.

Segundo o Ministério da Ciência e Tecnologia, a fabricação do iPad, que vai acontecer na planta da Foxconn já em operação em Jundiaí, no interior de São Paulo, segue confirmada para este ano.

Rumores
O investimento de US$ 12 bilhões que a taiwanesa Foxconn iria investir para produzir iPads no Brasil está "em dúvida" devido à estagnação das negociações sobre redução de impostso e problemas estruturais no País, como falta de mão de obra qualificada, disseram fontes do governo na quinta-feira à Reuters.

A data prevista para o início da produção foi julho, depois foi adiado para novembro. Agora, não está claro se o projeto vai sair do chão, pelo menos na forma em que foi originalmente previsto, disseram os funcionários em condição de anonimato. "As conversas têm sido muito difíceis, e o projeto de um iPad brasileiro está em dúvida", disse uma autoridade à agência. "A (Foxconn) está fazendo exigências loucas" para isenções fiscais e qualquer outro tratamento especial, acrescentou o funcionário.

Fonte: Terra
Publicidade